terça-feira, setembro 26, 2006

Jura - Capítulo II

Este post está sem conteúdo em homenagem ao argumento da novela da SIC.

A todos os nossos espectaleitores o nosso pedido de desculpas. Retomaremos a emissão com conteúdos assim que possível e assim que o Pepe Rapazote consiga arranjar uns 20€ para uma camisa reles, umas calças de ganga da feira e um par de havaianas mal imitadas.

O nosso muito obrigado pela sua compreensão.


Pato (auto-promovido a provedor da TV Portugaise!)

2 comentários:

Izzi disse...

Se calhar é preconceito, mas esse Pêpê (mas que raio de nome é esse??) dá-me a impressão um granda palhaço - e estou só a pensar nas palavras e pose que ele "amandou" durante o programa Revolta dos Pastéis de Nata (se calhar é por ser arquitecto - deve ter a mania...). E depois o papel (e aspecto) na novela também não abona muito a seu favor - parece q ele não faz muito esforço para interpretar aquele papel (ou então é um actor muito bom...not).

P.S.:benvindo à blogosfera.Eu também só entrei mais a nível público nesta cena há muito pouco tempo. :)

Maria Cereja D´Orey disse...

Protesto,
A novela tem argumento e até bastante pertinente, coloca alias questões bem realistas, ao contrário dos subprodutos televisivos da flor e dos morangos!
Quanto ao Rapazote, o rapaz sai-se bem no papel, e no programa "Extase" na SIC até disse que usa o nome que não o artístico precisamente para se distinguir das personagens, e que começou pelo teatro amador! Eu gosto do papel e nao podemos confundir os actores com as personagens, olhem que ao contrário da Elsa Raposo, o mecinho não costuma vir envolvido em quaisquer escandaleiras nas colunas da high society...atentem na telenovela Elsa Raposo/ Gonçalo Dinis/ Mário kk coisa ( o professor de Surf de cujo nome nao me lembro bem) e façam as devidas comparações e ilacções e depois digam que a JURA exagera eheheheh , olhem que a realidade consegue ser tão ou mais animada, escandalosa e "colorida" !